Terça-feira, 28 de Junho de 2005

A semente do amor.

Esta noite perdi as lágrimas por ti. Falei com anjos. Falei de sonhos e amor. Viagens intermináveis, em todos os lugares, em vários sentires.


Rendo-me ao encanto de cada estação aonde estaciono o coração por ti.


Esta noite pode ser nossa... Dos nossos sonhos, desejos que se soltam, que se amarram, prendem-se as nossas vidas. Serei teu se me amares sem medo. Deixarei o coração em ti, a semente do meu amor. Esta noite escreverei no teu corpo um poema de amor. 


 


 


 


publicado por Ejamour de Carvalhais às 15:47
link do post | comentar | favorito
|
10 comentários:
De Anónimo a 3 de Julho de 2005 às 18:28
Lindo, tão doce... Gostei imenso! Como sempre... Faço figas para que a inspiração de tão belos textos seja real.
Beijo grande*Rita
(http://www.intimidadeindecente.blogspot.com)
(mailto:ritaafreixo@sapo.pt)


De Anónimo a 3 de Julho de 2005 às 17:04
:)

Romantismo imenso, sempre, nas tuas palavras plenas de sentimentos do mais fundo do coração! É maravilhoso poder ler algo tão arrebatado... Como um filme romântico de outros tempos...

Já cá tinha vindo na última semana mas ñ conseguia comentar, ñ sei pq...

*Lost in Space
(http://www.rainhadovazio.blogspot.com)
(mailto:helenaetrusca@msn.com)


De Anónimo a 29 de Junho de 2005 às 21:57
Olá! Passei só pra deixar um beijinho! Estou doentita com uma terrivel gripe!sandra
(http://blogfullmoon.blogs.sapo.pt/)
(mailto:sdrcarvalho@hotmail.com)


De Anónimo a 29 de Junho de 2005 às 21:02
Todo dia recebo uma caixa embrulhada para presente, abro--a, é a esperança que me faz resnacer a crença no amor. Hoje esta caixa, recebi de ti. Muito linda esta semente que germinará forte e bela. Beijo meu.anne
(http://www.anne_voce.blogger.com.br)
(mailto:ancembranelli@yahoo.com.br)


De Anónimo a 29 de Junho de 2005 às 17:21
Nem que seja apenas por uma noite de amor, vale a pena viver!breeze
(http://segredosdovento.blogspot.com)
(mailto:thebreeze@portugalmail.pt)


De Anónimo a 29 de Junho de 2005 às 17:08
A semente de quem deseja amar... vulnerable
(http://asasdanjo.blogspot.com)
(mailto:vulnerable@portugalmail.pt)


De Anónimo a 29 de Junho de 2005 às 12:06
Uma noite intensa de sonho e de amor. Gostei de cada palavra. Bjscuriosa paixao
(http://curiosapaixao.blogs.sapo.pt/)
(mailto:curiosa-paixao@sapo.pt)


De Anónimo a 29 de Junho de 2005 às 11:50
Um coração que estacionou e se rendeu a uma noite de amor. Belas palavras!! Beijo enorme :)sylpha
(http://almanua.blogs.sapo.pt)
(mailto:sylpha@sapo.pt)


De Anónimo a 28 de Junho de 2005 às 20:58
Alguem esta apaixonado :)
Abraçoterricha
</a>
(mailto:terricha@gmail.com)


De Anónimo a 28 de Junho de 2005 às 17:52
Noite intensa esta, complexa e apaixonante, com sonhos e mais sonhos, meia acordada meia a dormir. Noite ausente do sitio onde estou e bem perto de onde desejo imensamente estar. Forte em emoções, que apesar de simples de sentir, se apresentam com uma intensidade invulgar, até mesmo selvagem, que alimentadas por um sentimento mútuo, que me faz feliz mas receosa de se tornar algo indomável e que ambos não saibamos controlar… Deixo-te aqui um beijo bem selvagem e indomado, mas com imenso carinho...SHINE
(http://.)
(mailto:mssinet@hotmail.com)


Comentar post

.Autor:Ejamour de Carvalhais

Não sou poeta, nunca fui, nunca desejei sê-lo. Sou apenas amante das palavras... Nesta folha negra deposito o que a minha alma me diz ao ouvido. Voz singela, de veludo, encanto que sinto a devorar-me o corpo. Rendo-me a simplicidade sentida da minha Alma, Fé, Essência que me guia na luz do amor. (Obrigado pelas visitas e comentários...)

.pesquisar

 

.Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.A voz da alma

. Abraço não sentido

. Diferente

. O teu nome

. Eu a ti, pertenço

. Até amanhã

. ... E no natal.

. Eterno

. Um poema só teu.

. Sedução

. Um tempo