Quarta-feira, 17 de Novembro de 2004

1 momento mágico.

Levaste-me o coração com o teu olhar. Perdi-me no teu sorriso e já não sei de mim. Assim como a lua beija a terra em plena noite o meu coração voa como um anjo perdido na galáxia do amor, procurando por ti. Eu vi estrelas imitarem o teu sorriso, vi pétalas invejarem o teu rosto.
Perdi-me por ti, no primeiro momento, no primeiro minuto quando os meus tristes olhos procuraram pelos teus doces olhos. Num momento mágico, único.
Quando os anjos beijam as estrelas, borboletas escrevem no céu o teu nome, são linhas de amor que enfeitiçam o meu sonho, ser alguém que não sou, ao teu lado.
Levaste-me, sem pedires... Aonde estou?

publicado por Ejamour de Carvalhais às 12:03
link do post | comentar | favorito
|

.Autor:Ejamour de Carvalhais

Não sou poeta, nunca fui, nunca desejei sê-lo. Sou apenas amante das palavras... Nesta folha negra deposito o que a minha alma me diz ao ouvido. Voz singela, de veludo, encanto que sinto a devorar-me o corpo. Rendo-me a simplicidade sentida da minha Alma, Fé, Essência que me guia na luz do amor. (Obrigado pelas visitas e comentários...)

.pesquisar

 

.Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.A voz da alma

. Abraço não sentido

. Diferente

. O teu nome

. Eu a ti, pertenço

. Até amanhã

. ... E no natal.

. Eterno

. Um poema só teu.

. Sedução

. Um tempo