Domingo, 21 de Setembro de 2008

Desencantado

Ando desencantado com o amor.

Por mais que eu ame e procure por amor, encontro o sabor amargo da desilusao. Ou serei eu que dou muito valor ao amor e sentimentos validos nao fingidos, nao pretendidos apenas sentidos...

Ando desencantado com as mulheres que atravessam a minha vida, algumas trazem adornos com a palavra amor, amor de pouca dura como o Sol no inverno. Tenho andado livre e solto como o vento, nao procuro mais que sensacoes vividas e sentidas genuinas, sao olhares que me atravessam buscando o meu olhar. Tenho encontrado mulheres que so me dao o corpo e nao alma, eu procuro por uma mulher que me de primeiro a alma depois o corpo. Tenho fome de amar, fome que me posso alimentar amando-me sem rodeios, sem medos, sem pensamentos vagos, porque nas asas do tempo vive o esquecimento esquecido, e nunca por vezes lembrado...

Eu nao sou poeta se fosse escreveria amor como quem bebe a chuva que um anjo traz para terra do Nada. 

Eu ando desencantado com o amor, na minha cama solitaria, vazia e fria eu encontro lembrancas de mulheres que tantas vezes me disseram ao ouvido:"ah como eu te amo..." Talvez ate seja como uma tatuagem,marcada no corpo. Viver sozinho e como carregar um fardo tao pesado sem destino, como um comboio que nao para em todas as estacoes.  

Ando desencantado, talvez ate seja por um momento, apenas por um momento e nao para todo o sempre.

 


publicado por Ejamour de Carvalhais às 12:12
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De Liberdade a 21 de Setembro de 2008 às 21:25
Olá.Bonito ver essa sensibilidade! E por isso acredito que esse desencanto seja mesmo passageiro. Fica bem, mesmo bem e sempre acreditando! :)


De Fallen Angel a 28 de Setembro de 2008 às 22:19
Muito sinceramente, eu entendo-te! Em todas as palavras que defines os teus sentimentos, vejo retratados os meus, com a única diferença de eu ser mulher e tu seres homem.
Por vezes já digo que o amor não existe, ou não quer entrar na minha vida como eu gostaria.
Deixo-te aqui um beijo e uma boa semana.


De BlueAngel a 10 de Outubro de 2008 às 18:46
O caminho da vida não é mais do que uma estrada inacabada em busca de um refugio chamado amor. Podem vir desilusões, pode o peito sangrar de dor, podem as lágrimas correr no rosto misturando-se com o salgado do mar que nunca, mas nunca se deve deixar de amar!

Bom fim de semana e parabens pelo teu espaço



Comentar post

.Autor:Ejamour de Carvalhais

Não sou poeta, nunca fui, nunca desejei sê-lo. Sou apenas amante das palavras... Nesta folha negra deposito o que a minha alma me diz ao ouvido. Voz singela, de veludo, encanto que sinto a devorar-me o corpo. Rendo-me a simplicidade sentida da minha Alma, Fé, Essência que me guia na luz do amor. (Obrigado pelas visitas e comentários...)

.pesquisar

 

.Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.A voz da alma

. Abraço não sentido

. Diferente

. O teu nome

. Eu a ti, pertenço

. Até amanhã

. ... E no natal.

. Eterno

. Um poema só teu.

. Sedução

. Um tempo