Sábado, 1 de Abril de 2006

A ti que me lês...

Acompanhas as frases, em momentos que só a ti te pertencem.

Voas o pensamento nas linhas que te tocam a alma. Ou das frases que te agitam o coração.

Revoluções dentro de ti, como águas turvas, ou das manhãs que te embalam os olhos de um Sol que te ilumina o rosto.

A ti que me lês no esconderijo da tua vida, no teu canto, recanto aonde te encontras e observas-me nas linhas que mostro-te.

Sou o que lês perdido na minha ausência.
Sou ausente de mim mesmo quando procuro-me e encontro-me… Ou talvez não.

È nesta essência de palavras que mostro o meu sentir.

É nesta folha negra e em outras folhas que me desfolho como um livro antigo escondido num baú ou numa estante abandonada…

Sente-me em cada linha… Não são sentimentos fingidos, são sentidos, como o reflexo de uma imagem num espelho, ou como a dor de uma lágrima que se esconde no canto do olho.

 

A ti que me lês, mostro-te o caminho do rio da vida…

A ti que me lês, mostro-te um anjo que abre as asas do amor…

A ti que me lês, mostro-te estas palavras que não sei aonde as vou buscar.

 

A ti que me lês, deixo abertas as portas da minha alma.


publicado por Ejamour de Carvalhais às 11:48
link do post | favorito
De marius70 a 6 de Abril de 2006 às 12:12
Olá jamour. Estive a rever os meus temas pois estou a mudá-los não para a nova plataforma do sapo que não me satisfaz mas sim para a http://www.simplesnet.pt/ pois ali os nossos blogs ficam exactamente conforme os tinha-mos na "velha" plataforma do sapo. Ao colocar o tema Luanda e ao transportar os comentários que lá tenho, verifiquei que tinhas dito que estavas em Benguela, eu não vim ao teu blog para te dar aquele abraço "africano". Da terra que transportámos nos olhos, do coração que lá ficou. :) Aiuê angolê.


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


.pesquisar

 

.Março 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.A voz da alma

. For life.

. Um corpo

. De ti

. Até a madrugada chegar.

. Vésperas de Natal

. Até já

. Vejo-te

. Abraço não sentido

. Diferente

. O teu nome